0%

O que deseja pesquisar...

Igreja Anglicana consagra oratório homoafetivo de São Sérgio e São Baco

Compartilhar
 
A Pastoral da Diversidade da Capela da Inclusão, Missão da Igreja Episcopal Anglicana do Brasil em Campo Grande consagrará neste domingo (09), um pequeno oratório no interior da Capela com um ícone de São Sérgio e São Baco. Sérgio e Baco eram militares e formavam um casal quando se converteram ao cristianismo no século III.
Eles permaneceram vivendo em união estável até que foram denunciados e perseguidos pelo Imperador Maximiano, que mandou torturá-los e condená-los à morte. Posteriormente, a Igreja Bizantina (Ramo Ortodoxo do Cristianismo no Oriente) os canonizou. Seu dia no calendário cristão é 07 de outubro.
Capela da Inclusão
O ícone foi confeccionado pelo teólogo e artista plástico Luiz Coelho, do Rio de Janeiro, e estava em uma Paróquia dos Estados Unidos, que o doou para a Capela da Inclusão em Campo Grande. A Capela da Inclusão participou este mês da Parada da Diversidade em Campo Grande, apoiando as pessoas homoafetivas.
A Capela localiza-se no Bairro Tiradentes, à Rua do Pandeiro, n. 120 (seguindo pela Av. Marquês de Pombal, primeira rua após o Shopping das Araras). A missa dominical é celebrada às 19h e todos são convidados a participar.
 
Paroquiadainclusão/MA
 
 
A consagração de um pequeno oratório com um ícone dos santos Sérgio e Baco, considerados patronos das uniões homossexuais, será feita neste domingo em Campo Grande pela Pastoral da Diversidade da Capela da Inclusão, uma missão da Igreja Episcopal Anglicana do Brasil. Confeccionado pelo teólogo e artista plástico Luiz Coelho, do Rio de Janeiro, o ícone estava em uma paróquia nos EUA que o doou para a Capela da Inclusão em Campo Grande, localizada ao nº 120 da Rua do Pandeiro, no Bairro Tiradentes, onde haverá a missa dominical a partir das 19h. 
 
HISTÓRIA – Serguis de Resapha e Bacchus de Barbalissus foram militares do exército romano na província de Coele (na atual Síria), no início do século 4 dC.  Sergio comandava a Schola Gentilium (Escola dos Pagãos), uma escola de recrutas composta de bárbaros e Bacchus era seu subalterno (secundarius) e auxiliar direto. Eles viviam assumidamente juntos. Depois que converteram-se ao cristianismo, não aceitaram mais participar de ritos pagãos de sacrifícios e o imperador os mandou punir severamente. Vestidos com roupas femininas, foram exibidos pelas ruas da aldeia e flagelados com chicotadas. Baco morreu no dia 1º de outubro de 297 e Sergio foi condenado a caminhar com os sapatos forrados com pregos afiados até ser decapitado no dia 7 daquele mês. Por isso, 7 de outubro é a data a eles consagrada no calendário cristão, após serem canonizados pela Igreja Bizantina, ramo Ortodoxo do cristianismo no Oriente. 
 
Tags:

Você pode gostar também, disso...

Comente!

Próximo