A privacidade se vende cara e parece claro que por mais medidas de segurança que as plataformas criem, os hackers sempre estarão um passo à frente. Isso ficou evidente mais uma vez nessa semana. A empresa de segurança Symantec descobriu que três aplicativos populares do Google Play, uma vez instalados, efetuavam cliques involuntários (e em segundo plano) em anúncios. Uma atividade proibida, evidentemente, pelas regras da loja de aplicativos. O pior, entretanto, não foi descobrir essa prática, e sim ver que estava sendo efetuada há mais de um ano sem que ninguém detectasse.

Seguir leyendo.

Fonte: EL PAÍS – Edição do Brasil